Quantcast

Eduardo Bolsonaro acha ‘estranho’ o processo de apuração eleitoral nos EUA

Eduardo Bolsonaro acha ‘estranho’ o processo de apuração eleitoral nos EUA

Eduardo Bolsonaro nas redes sociais está dando corda à teoria da conspiração trumpista da fraude na apuração das eleições nos EUA.

O ex-quase-futuro embaixador do Brasil em Washington, com sua reconhecida capacidade de análise dos acontecimentos internacionais, reproduziu tuítes do bolsominion raiz Bernardo Küster (“se isso não é fraude, não sei o que é“, começa um deles) e comentou:

— Estranho…

A internet reage com piada pronta, pois se Trump estivesse vencendo, ele acharia o melhor processo do mundo. Estranho mesmo seria ele a frente da Comissão de Relações Exteriores, visto que  não fala inglês fluente. O pai dele, discorda:

Jair Bolsonaro, 13 out. 2020: “Eu prefiro papel. O papel não tem como… O papel, acoplado ao eletrônico, é a forma ideal de não ter fraude em eleições”.

Em alta!

Gostou? Compartilhe!

Share on facebook
No Facebook
Share on twitter
No Twitter
Share on linkedin
No Linkdin
Share on pinterest
No Pinterest